sábado, 5 de dezembro de 2009


Não. Eu não quero partir, bonito.
Mas as coisas estão ficando cada vez mais intensas dentro de mim. E teu ar que não me é recíproco sufoca-me de tal maneira, como se eu estivesse dentro de um lago, ou então dentro do mar submersa, tentando alcança a praia e ondas me viessem afogar. Você me dói de uma maneira inexplicável. Como uma ferida aberta que insiste em não cicatrizar.

Quando eu era criança cai algumas vezes de bicicleta, mas meu pai dizia que eu ia aprender a andar. Então, me era aceitável todas as feridas causadas aos meus joelhos pelos cascalhos e até mesmo de cacos de vidros. Hoje, meu pai não diz: menina, a ferida vai cicatrizar esperas e verás. Não ele não diz. Talvez porque também já tenha sofrido.
Sabe eu comparo ao meu coração como uma bola. Sim, uma bola. Quando criança ainda, costumava jogar futebol com os amigos, bem menino eu era. E então, jogávamos com uma bola de leite, essas bolas furavam rápido e colávamos de alguma forma. Seu aspecto era terrível, sempre remendada. Mas ainda assim funcionava. Meu coração está tão grande dentro do peito, por ter tantos retalhos tentando salvá-lo.
Eu sinto tanto. Tanto.
Sinto que me perdi nisso tudo. Que não devia ter dado asas ao meu pobre coração. Coração alado e idiota. Masoquista.

É, eu vou embora.
Só preciso de força. Amanhã. Talvez.



10 comentários:

Ágatha Alves disse...

Quantas vezes me senti assim
o meu coração tbm está dessa maneira.
Só que finalmente conseguir ir embora, n por completo mais dei o primeiro passo.
Sofrer se sentir assim, eu já n aguentava amis.

beijos

Pâmela Marques disse...

Que linda você.
Eu não quis partir, sabe? Eu tentei até como havia escrito no texto. Mas não pude ir, ele pegou a minha mão, assim dizendo, e me deixou ao lado dele.

Que bom que gostou do texto.

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Néctar da Flor e Eu Hoje! querem presentear os amigos.

Serão sorteados:

6 pacotes com curso de inglês Quick English + boné + camisa + meia + chaveiro + pochete, tudo com a bandeira do Canadá.


6 Layouts feitos pela Lelinha, da Fábrica de Layouts [Os modelos são mais simples, 2 colunas, com o topo decorado (de acordo com o tema/clima do blog de cada uma das vencedoras, ou seja, apesar do modelo ser mais simples, será exclusivo) e um background (fundo) colorido. No topo conterá uma referência ao blog Néctar da Flor e site Eu Hoje! , pequena do ladinho que mais for conveniente.]

1 tela 25x 25 da Artista Plástica ADiniz

[surpresa]

Por que Canadá? Porque uma parte da Equipe trabalha de lá, fazendo o humor porreta pras bandas da Alegria melhorar. O site Eu Hoje! já está fazendo parte dos melhores blogs do Brasil, então não fique sem essa animação e atualize seu humor todos os dias, mostrando para quem acessa o seu estado de espírito.

Como faz para participar? Leiam as regras abaixo e sigam as
instruções corretamente.

ATENÇÃO: Só será validado o blog que fizer todas as instruções corretamente.

1 - Se cadastrar no pacote gratuito do EuHoje!
2 - Deixar um comentário no Néctar da Flor avisando que se cadastrou e que está participando da promoção.
3 - Colocar o humor no seu blog.
4 - Postar sobre a promoção no próprio blog
5 - Quem já for cadastrado no Eu Hoje! só informa o nome do blog e retorne para o item 4.

O sorteio será realizado pelo RANDOM e filmado. Os 6 primeiros ganharão os livros e depois mais 6 serão sorteados para ganhar o layout, onde o 13º ganhador levará a tela.

Mostrem que a emoção realmente vale a pena!

Corra lá e faça já a sua inscrição!



Clica aqui: http://www.euhoje.com/



Beijos jogados no ar, sempre!



-

Fernanda disse...

Amei o texto!
Me vejo em muitos dos seus textos.

Ainda não tive coragem de partir, cada vez que estou indo, alguma coisa me faz ficar.

Camila disse...

não espere pela força, axe dentro de vc ;)

D i c a disse...

Ir embora, fechar a porta.. Eu faço isso sempre.
Apoio quem faz, aconselho que façam.

Taw disse...

Muitos "corações" apresentam mesmo o
comportamento masoquista...

Glauco Guimarães disse...

Isso só me aconteceu uma única vez, mas foi o suficiente para destruir tudo. É dificil mas vamo que vamo! 7 bilhoes de pessoas no mundo. Alguem tem q dar certo não é?

Alice F. disse...

o partir, quando já não se tem motivo algum para permanecer, é uma das melhores e mais prazeroas ações em vida.

Mas para isso, é necessário o querer partir.
Boa sorte. :)

Juliane S. Rocha disse...

Que seu coração tenha toda a força,
e nunca deixe de caminhar.
lindo texto.
Beijos...